Fale com este blog

E-mail: ercio.remista@hotmail.com
Celular: (91) 8136-7941
Para ler postagens mais antigas, escolha e clique em um dos marcadores relacionados ao lado direito desta página. Exemplo: clique em Santarém e aparecerão todas as postagens referentes à terra querida. Para fazer comentários, eis o modo mais fácil: no rodapé da postagem clique em "comentários". Na caixinha "Comentar como" escolha uma das opções. Escreva o seu comentário e clique em "Postar comentário".

quarta-feira, 9 de novembro de 2016

Brunet pede na separação metade dos bens de Lírio Parisotto

Lírio Parisotto, ao lado de Luiza Brunet; empresário foi notificado em ação da ex-namorada na Justiça 
Lírio e Brunet
O empresário Lírio Parisotto, acusado pela atriz e modelo Luiza Brunet de agressão, foi notificado nesta terça (8) na ação em que ela pede o reconhecimento de união estável com o empresário.
CARA METADE
No processo, Brunet pede a metade dos bens acumulados por ele nos cinco anos em que teria durado a relação estável, exige auditoria em todas as empresas do ex e também acesso às declarações de Imposto de Renda do período.
ENGANO
O advogado dele, Luiz Kignel, confirma a citação. E afirma que Brunet "finalmente revelou suas verdadeiras intenções: transformar um namoro em um negócio financeiro. Usou a imprensa para posar de vítima e agora pede metade do patrimônio do senhor Lírio Parisotto. Não há o menor fundamento jurídico para essa pretensão". 
MEU DIREITO
A defesa de Brunet afirma: "Luiza está fazendo valer, de forma legítima, os seus direitos. O acesso ao Poder Judiciário é garantia constitucional. Não é porque o relacionamento terminou de forma litigiosa que ela vai abrir mão de buscar a Justiça. Achar que a Luiza não deveria buscar seus direitos é uma interpretação equivocada e que só beneficia o agressor. Caberá ao juiz que vai julgar a causa decidir se houve ou não a união estável e quais são as consequências resultantes desse reconhecimento". A nota, assinada pelo advogado Pedro Egberto da Fonseca Neto, diz ainda que "o processo de reconhecimento e dissolução de união estável está sob segredo de Justiça". 

Um comentário:

  1. Meu Deus, querer metade da fortuna ganha pelo milionario Lirio Parizzoto, que trabalha ha décadas, porque ficou por ínfimos 5 anos? imagina que coisa mais exagerada. eu teria VERGONHA em aceitar o que fosse de patrimonio que eu nao fiz, ainda que me fosse oferecido. regina silva, santarena

    ResponderExcluir