Fale com este blog

E-mail: ercio.remista@hotmail.com
Celular: (91) 8136-7941
Para ler postagens mais antigas, escolha e clique em um dos marcadores relacionados ao lado direito desta página. Exemplo: clique em Santarém e aparecerão todas as postagens referentes à terra querida. Para fazer comentários, eis o modo mais fácil: no rodapé da postagem clique em "comentários". Na caixinha "Comentar como" escolha uma das opções. Escreva o seu comentário e clique em "Postar comentário".

segunda-feira, 15 de maio de 2017

Derrota de Lula em 2018 'sepultaria vitimização' do PT, diz Doria

Doria
O prefeito de São Paulo, João Doria (PSDB), disse que "para o País seria bom que a grande derrota de Luiz Inácio Lula da Silva seja a derrota na eleição, democraticamente". "Porque aí sepultamos por completo esta vitimização, que já desde o início do processo de impeachment da presidente Dilma (Rousseff) o PT fez questão de espalhar inclusive pelo mundo".

Segundo o prefeito, "é um negócio inacreditável como gente séria ainda acredita que Lula seja uma pessoa do bem, que Dilma seja uma pessoa do bem, seja uma mulher inteligente, capaz, e quem ela tinha o direito a continuar a fazer o seu mandato roubando e destruindo o Brasil, ou seja, estimulando situações tão condenáveis como aquelas que foram praticadas no Brasil", disse o prefeito.

João Doria na sequência colocou a palavra "roubando" num contexto mais amplo. "Quando eu digo roubando, é deixar roubar. Quem deixa roubar, deixa assaltar cofres públicos não merece respeito, a menor consideração."Questionado se sua avaliação era a mesma para o ex-presidente Lula, se ele também deixava roubar, o prefeito respondeu. "Sim, a resposta é sim. Claramente, sim. Não só deixou, como sabia. Manifestamente sabia. E mais do que isso, provavelmente determinou, aceitou e orientou. Isso é muito claro."

Numa conversa com jornalistas em Nova Yotk, onde iniciou ontem (14) um tour para promover São Paulo e oferecer oportunidades de negócios para investidores, Doria disse que Lula "mente com uma convicção que impressiona; até um professor de atores ficaria impressionado como ele é capaz de encenar, mentir e tentar convencer".

O prefeito paulistano afirmou que no depoimento à Justiça Lula se revelou "mais uma vez um covarde".

"Alguém que qualifica parte de seu depoimento e transfere a qualificação disso para a esposa, que está morta e enterrada, é porque não tem coragem de fazer sua própria defesa", disse.

Na opinião do tucano, o petista transferiu "para sua falecida esposa responsabilidades sobre entendimentos, visitas, solicitações, vantagens e benefícios como se ele não fosse casado com ela e como se ele não soubesse".

Nenhum comentário:

Postar um comentário