Fale com este blog

E-mail: ercio.remista@hotmail.com
Celular: (91) 8136-7941
Para ler postagens mais antigas, escolha e clique em um dos marcadores relacionados ao lado direito desta página. Exemplo: clique em Santarém e aparecerão todas as postagens referentes à terra querida. Para fazer comentários, eis o modo mais fácil: no rodapé da postagem clique em "comentários". Na caixinha "Comentar como" escolha uma das opções. Escreva o seu comentário e clique em "Postar comentário".

terça-feira, 1 de maio de 2018

Michel Temer diz que desempregados no Brasil não devem perder a esperança e garantiu ter autorizado reajuste de 5,67% no Bolsa Família

Em pronunciamento divulgado em suas contas nas redes sociais, o presidente Michel Temer disse que os 14,2 milhões desempregados no Brasil não devem perder a esperança.

"Você trabalhador que procura trabalho, não perca a esperança. O Brasil está crescendo, e, a cada dia, estamos criando mais postos e mais oportunidades", diz o presidente na gravação de 4 minutos e 30 segundos.

Temer também falou que autorizou aumento no valor do Bolsa Família. O programa terá um reajuste de 5,67%, acima da inflação, conforme defendiam os auxiliares mais próximos do presidente, em contraposição à proposta da equipe econômica do governo.

"Nesse primeiro de maio, o presidente da República não podia deixar de mostrar serviço. Por isso, anuncio que acabo de autorizar o reajuste do Bolsa Família", diz o presidente, que não cita o porcentual na gravação, realizada na sexta-feira, quando o reajuste ainda motivava um embate no governo. Ele foi sacramentado hoje, em reuniões com Temer, e foi confirmado pelo Ministério do Desenvolvimento Social ao Broadcast, serviço de notícias em tempo real do Grupo Estado.

"Também renovei o programa Luz para Todos, que beneficiará mais de 2 milhões de pessoas que não têm sequer um bico de luz. O projeto do novo salário mínimo está encaminhado, será o maior salário mínimo da nossa história", afirmou o presidente na gravação. "Enquanto alguns passam o dia criticando, a gente passa o dia trabalhando."

Nenhum comentário:

Postar um comentário